• Facebook
  • Google Plus
  • Apple
  • Android
  • Mobile
  • RSS
Ralis: Ogier a caminho de fazer história
Publicado em 11.Apr.2014
Seja o primeiro
a comentar
este artigo.

O recente Rali de Portugal veio permitir a Sebastien Ogier, um piloto que começou a competir tardiamente (apenas aos 22 anos!), confirmar que se encontra na linha do seu compatriota Loeb e… a marcar uma nova era nos ralis. Digno sucessor do nove vezes campeão mundial desta disciplina automobilística, o piloto de Grenoble encontrou na Volkswagen a equipa ideal – à semelhança do sucedido com Loeb… na Citroen – para expressar um potencial digno dos pilotos de excelência no mundo dos ralis.

Venceu a prova portuguesa pela quarta vez em cinco participações e importa recordar que em 2012 esteve longe da discussão da vitória apenas porque guiou o Skoda Fabia S2000, na preparação da estreia da VW no Mundial’2013 com o Polo R. O construtor alemão, recorde-se, trabalhou uma época como poucas equipas o fizeram até então para regressar aos ralis e está, ainda agora, a colher os frutos desse trabalho, depois de ter dominado a temporada em 2013.
Ogier somou há uma semana, no Algarve, a sua 19ª vitória em ralis do Campeonato do Mundo, fixando um novo recorde, é bom lembrar, de oito triunfos consecutivos do Polo R, além de 204 melhores tempos em 312 “especiais” disputadas, o que lhe garante um rácio de 65 por cento de vitórias. O sucesso alcançado na quarta prova do Mundial’2014 representou o 14º do construtor alemão em 17 participações, o que diz bem da sua superioridade nestes dois últimos anos.
Esta temporada, apenas um erro de Ogier no Rali da Suécia, quando saiu de estrada e ficou com o Polo R “preso” na neve, perdendo demasiado tempo até voltar à estrada, obstou a que somasse apenas triunfos. Ainda há muito campeonato pela frente (9 ralis), mas dificilmente a concorrência conseguirá travar o campeão mundial e melhor piloto da atualidade que guia, também, o carro mais equilibrado do Mundial.

Classificação do Mundial após 4 das 13 provas:
Pilotos
1º, Sebastien Ogier (VW), 91 pontos
2º, Jari-Matti Latvala (Ford), 62
3º, Mads Ostberg (Citroen), 48
4ºs, Mikko Hirvonen (Ford) e Andreas Mikkelsen (VW), 36
6º, Thierry Neuville (Hyundai), 21
7º, Elfyn Evans (Ford), 20
8ºs, Martin Prokop (Ford) e Bryan Bouffier (Ford), 18
10º, Kris Meeke (Citroen), 17

Construtores
1º, VW, 144 pontos
2º, Citroen, 75
3º, M-Sport (Ford), 60
4º, Hyundai, 45
5º, VW II, 40

Envie o seu comentário

Todos os comentários que colocar mostram o seu nome. Ao enviar um comentário está a aceitar os nossos Termos e Condições.

*Campos obrigatórios